Após conseguir rescisão na Justiça, Jordi não é mais jogador do Vasco; Clube ainda pode recorrer

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Foto: Divulgação / Instagram

De acordo com informação do Esporte News Mundo, Jordi não é mais jogador do Vasco. Segundo a apuração do site, a desembargadora Marise Costa Rodrigues aceitou o pedido de rescisão indireta de contrato que o goleiro havia solicitado.

“Por conseguinte, concedo parcialmente a liminar postulada, para autorizar a ruptura do contrato de trabalho discutido nos autos da ação trabalhista originária com a data de 24.07.2020 e determinar a expedição de ofícios à Confederação Brasileira de Futebol e à Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro a fim de que seja lá registrada a extinção do vínculo e possibilitada a celebração de nova relação jurídica de emprego” Destacou a desembargadora Marise Costa Rodrigues.

Foto: Divulgação / CSA

No início desta última semana, o goleiro havia entrado com ação na Justiça, em primeira instância, cobrando o valor de R$ 1.158.826,66. O primeiro pedido foi recusado, então o atleta recorreu a segunda instância e teve sua cobrança aceita.

“O clube, de forma contumaz, descumpre as obrigações contratuais mais basilares, estando em mora com os recolhimentos do FGTS desde 2017; com a parcela do 13º salário e as férias, acrescidas do terço constitucional, de 2017; com a importância de R$ 10.000,00, referente a premiação de 2019; com o pagamento de salários de 2020; e com o pagamento, até a presente, das férias antecipadas de 2020 (gozadas em 2020, por força da pandemia mundial do Novo Coronavírus)”. Diz trecho do pedido do atleta.

Porém, o julgamento não é definitivo, já que os dirigentes do Vasco da Gama poderão recorrer sobre a decisão tomada.

Cansado de perder suas ligas no CartolaFc? Faça parte do nosso plano de dicas e vire esse jogo. Acesse: https://cutt.ly/Np1eX1E

Quer receber notícias toda hora?

Baixe agora o App do Camillo Joga10! Disponível para Android e iOS.