Edson se despede do Atlético-GO para jogar no futebol árabe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Foto: Heber Gomes

A vitória sobre o Red Bull Bragantino, por 2 a 1, marcou a despedida do volante Edson com a camisa do Atlético Goianiense. Isso porque o jogador aceitou a proposta do Al-Qadisiah, da Árabia Saudita.

A negociação vai render R$ 1,6 milhões ao cofre do Dragão, pelo volante que vai receber um salário muito superior em comparação ao que recebia no clube goiano.

Edson chegou ao clube no início de 2020 e superou as expecativas, se tonando um dos pilares da equipe rubro-negra, até então comandada por Vagner Mancini. O volante disputou 27 jogos com a camisa do Dragão e se despediu neste domingo após o jogo contra o Bragantino.

“Só tenho de agradecer por tudo… Espero que continuem firme e forme na batalha que, com certeza, vai dar certo. Vou ficar de longe na torcida, o time está de bom tamanho, uma ótima administração. Só tenho a desejar sorte e muito trabalho. Um grande abraço pra todos e os torcedores também”.

Antes de Edson, já saíram dois nomes importantes no elenco como Jorginho e Renato Kayzar, ambos foram para o Athletico-PR. Com isso, o presidente Adson Batista reforçou que está de olho no mercado e vai repor essas saídas, admitindo que já tem jogadores encaminhados para os próximos dias.

Quer receber notícias toda hora?

Baixe agora o App do Camillo Joga10! Disponível para Android e iOS.