Flamengo barra inspeção da vigilância sanitária após polêmica com Prefeitura do Rio

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O Flamengo barrou uma inspeção da vigilância sanitária na tarde dessa quinta-feira (21). Agentes da Prefeitura do Rio de Janeiro foram impedidos de realizar vistoria no centro de treinamentos do Ninho do Urubu.

Esse é mais um capítulo da polêmica gerada a partir da volta dos treinos presenciais no Mengão, na quarta-feira (20). Na manhã daquele dia, meio “às escondidas”, atletas treinaram em campo.


Foto: Tomaz Silva / Flamengo


O momento foi flagrado por helicóptero da TV Globo e criticado pelo Município que, por meio de nota, reforçou a não recomendação desse retorno por risco de contágio do novo coronavírus.

Nessa quinta, quando equipes da Vigilância Sanitária e também da Secretaria da Fazenda tentaram realizar inspeções, o Rubro Negro impediu a entrada alegando que não havia funcionário do setor administrativo para receber os agentes.

Em nota, o Flamengo informou que todos os envolvidos na volta aos treinos se sentem “seguros e aptos” em função do protocolo de segurança adotado pelo clube. A Prefeitura notificou o Mengão para que um representante vá à Vigilância Sanitária prestar esclarecimentos nesta sexta-feira (22).

Quer receber notícias toda hora?

Baixe agora o App do Camillo Joga10! Disponível para Android e iOS.