Quem será a próxima vítima? Brasileirão tem média de um técnico demitido por rodada; confira

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Foto: Fabio Wosniak/Athletico

A 7ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro já foi inaugurada por Red Bull Bragantino e Atlético Mineiro, em jogo antecipado. Os outros nove jogos serão realizados neste próximo fim de semana, começando por Flamengo e Goiás, às 16h30, deste sábado.

E o que chama atenção é a média de técnicos demitidos neste início de Brasileirão: um a cada rodada. O Athletico Parananese, por exemplo, já demitiu dois técnicos nesse curto período. Hoje o Furacão é comandado por Felipão.

>Quer receber as melhores dicas e análises do Cartola FC e do Rei do Pitaco? Acesse e confira!

Tudo começou bem cedo, ainda na primeira rodada. O próprio Athletico demitiu Alberto Valentin depois da goleada sofrida para o São Paulo por 4 a 0, na estreia do campeonato. Horas depois foi a vez de Marquinhos Santos ter o contrato rescindido com o América-MG, após sofrer revés para o Avaí, por 2 a 1.

Desde então também foram demitidos os técnicos: Alexander Medina (Internacional), Abel Braga (Fluminense), Fábio Carille (Athletico-PR), Pintado (Cuiabá) e por último Umberto Louzer (Atlético-GO). Destes, apenas Carille acumula duas demissões na temporada, antes ele havia sido desligado do Santos, ainda no Paulistão.

Destes, a decisão teria partido apenas de um treinador: Abel Braga. Na ocasião, ele teria colocado seu cargo à disposição e entrado em um comum acordo após muita insatisfação por parte dos torcedores com a sequência de seu trabalho desde a eliminação na pré-Libertadores e o momento vivenciado pelo clube.

>Quer começar a faturar grana com apostas esportivas? É só clicar, se cadastrar e fazer parte da Batfast, nova parceira do Joga10 News!

Exceções de Alberto Valentim e Marquinhos Santos, além de Umberto Louzer, demitido na última rodada após derrota para o Atlético Mineiro, os demais deixaram seus respectivos clubes após resultados em jogos de competição entre Sul-Americana, Libertadores e Copa do Brasil.

No momento, o profissional que tem o nome mais citado nas últimas semanas e sob muita pressão é o de Paulo Sousa, do Flamengo. No entanto, o mesmo parece ter apoio da atual diretoria do clube, até pelo curto período de trabalho e contrato ainda a ser cumprido, além de um valor alto na multa rescisória prevista em contrato.

Confira todas as atualizações dos prováveis dos times do Brasileirão (clicando aqui)

E o Cuiabá é o único clube da Série A ainda sem um técnico definitivo no comando. Enquanto isso, o auxiliar-fixo Luiz Fernando Lubel vai para o seu terceiro jogo consecutivo à frente do Dourado. 

Todos os técnicos demitidos após 6 rodadas do Brasileirão 2022

TécnicosClubeDataMomento da demissão
Alberto ValentimAthletico-PR10/abr1ª rodada
Marquinhos SantosAmérica-MG10/abr1ª rodada
Alexander MedinaInternacional15/abrAntes da 2ª rodada
Abel BragaFluminense28/abrAntes da 4ª rodada
Fábio CarilleAthletico-PR04/maiAntes da 5ª rodada
PintadoCuiabá12/maiAntes da 6ª rodada
Umberto LouzerAtlético-GO15/mai6ª rodada

Quer receber notícias toda hora?

Baixe agora o App do Camillo Joga10! Disponível para Android e iOS.

Últimas notícias

Siga o Camillo Joga10!

Política de privacidade

feito por:

Times

Social

Prováveis

Times