Nino, Jael e Mendoza são suspensos por confusão na final da Copa Nordeste

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Foto destaque: Mauro Akiin Nassor Fotoarena

A 3ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol (STJD) julgou os atos de violência cometidos durante a final da Copa do Nordeste 2021.

Ceará, Bahia, Jael, Gabriel Dias e Stiven Mendoza, do Alvinegro, e Danielzinho, Juninho e Nino Paraíba, do time baiano, foram julgados nesta quarta-feira.

O lateral direito Nino Paraíba, o zagueiro Juninho e o meia Daniel foram punidos com suspensões. Enquanto o lateral pegou gancho de sete partidas, a pena aplicada ao meia e ao zagueiro foi de seis jogos para cada.

Foto: Divulgação/Ceará

Pelo lado do Ceará, o atacante colombiano Mendoza foi punido com oito jogos de suspensão, Jael sete jogos e Gabriel Dias seis partidas. O órgão aplicou ainda multa de R$ 15 mil para cada clube e outros R$ 1,6 mil ao time cearense por atraso na volta do intervalo.

Como a Copa do Nordeste já chegou ao fim, os atletas precisarão cumprir a pena na Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro, competições que também são organizadas pela Confederação Brasileira de Futebol.

O Ceará, por meio da assessoria de comunicação, informou que vai recorrer da decisão e solicitar efeito suspensivo.

Tudo sobre Cartola FC e Rei do Pitaco na palma da sua mão, basta clicar e vir fazer parte com os melhores!

Quer receber notícias toda hora?

Baixe agora o App do Camillo Joga10! Disponível para Android e iOS.

Siga o Camillo Joga10!

Política de privacidade

feito por:

Times

Social

Prováveis

Premier League

Série A

Liga dos Campeões

Times