Corinthians tem R$499,8 mil penhorados em processo movido por Marcelo Mattos

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

(Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)

O Corinthians vem acumulando inúmeros problemas jurídicos e dívidas financeiras em meio a pandemia. Outro caso que surgiu foi o do volante Marcelo Mattos, que conseguiu fazer com que a justiça penhorasse R$499,8 mil do clube, sem a possibilidade de recurso na ação.

O processo está na justiça desde 2012 e a ação foi tomada pela juíza Renata Libia Martinelli, da 79º Vara do Trabalho de São Paulo, no mês de maio. O Corinthians foi comunicado há duas semanas, através de um oficial da justiça. O clube alega que o valor da dívida já foi disponibilizado, porém a defesa de Marcelo Mattos espera a liberação em definitivo.

(Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)

De acordo com o advogado do jogador, João Henrique Chiminazzo, o valor do processo era R$30 mil, cobrando uma diferença de 15% direitos de arena, férias e depósitos do FGTs. Mas, Chiminazzo explica que esse montante era apenas simbólico.

“– Precisaríamos fixar algum valor, chamamos isso de valor de alçada. Mas não precisaria quantificar ao entrar com a ação. Ganhamos em Brasília. Quando esse processo voltou, estávamos numa discussão de valores, qual era o valor efetivamente devido. O Corinthians apresentou um cálculo de R$ 500 mil, e o Marcelo concordou. O Corinthians foi intimado a efetuar o pagamento, não o fez e, por isso, teve as contas bloqueadas.” Explicou o advogado.

O volante Marcelo Mattos defendeu o Corinthians em duas oportunidades, de 2005 a 2007 e depois de 2009 a 2010. O jogador disputou ao todo 159 jogos e fez 20 gols. Inclusive, foi campeão do Brasileirão de 2005. Atualmente, o atleta tem 36 anos e joga no Dom Bosco, time do Mato Grosso.  

Quer receber notícias toda hora?

Baixe agora o App do Camillo Joga10! Disponível para Android e iOS.