Após derrota para o Bahia, Pintado deixa o comando técnico da Chapecoense

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Foto destaque: Márcio Cunha / ACF

A derrota por 3 a 0 para o Bahia, fora de casa, no último domingo, marcou o fim do trabalho do técnico Pintado na Chapecoense. Na manhã desta terça-feira, ele pediu demissão e não dirige o clube catarinense nesta reta final de Campeonato Brasileiro.

Foto: Márcio Cunha / ACF

Junto com ele, também deixou o clube Carlos Kila, executivo de futebol. No último fim de semana, após o revés contra o Bahia, na Arena Fonte Nova, o treinador mostrou abatimento na coletiva e ligou o sinal de alerta dentro e fora do clube.

Pintado assumiu o comando da Chapecoense no começo de agosto. Antes disso, trabalhou no Goiás e, apesar do bom início na Série B, o time caiu de rendimento. No ano anterior, fez bom trabalho no Juventude e levou o clube gaúcho ao acesso à elite nacional.

Na Chapecoense, porém, não conseguiu emplacar bons resultados e, em 14 jogos, somou apenas uma vitória, seis empates e sete derrotas, um aproveitamento de 21%. Pintado deixa o clube na lanterna com 13 pontos.

Tudo sobre Cartola FC e Rei do Pitaco na palma da sua mão, basta clicar e vir fazer parte com os melhores

Quer receber notícias toda hora?

Baixe agora o App do Camillo Joga10! Disponível para Android e iOS.

Últimas notícias

Siga o Camillo Joga10!

Política de privacidade

feito por:

Times

Social

Prováveis

Times