Antes do Brasileirão, já houve quase 40 confrontos entre equipes da Série A; veja quais times levaram vantagem nos duelos

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Foto: Divulgação/São Paulo

O Campeonato Brasileiro começa somente no próximo fim de semana, mas até aqui, neste início de temporada, já houve 35 confrontos entre as equipes que irão disputar a Série A. O Paulistão e a Copa do Nordeste foram os campeonatos que proporcionaram a maior quantidade de duelos, por contar com mais equipes da elite do futebol nacional – Bahia, Ceará, Fortaleza e Sport, São Paulo, Palmeiras, Corinthians, Red Bull Bragantino e Santos.

O Palmeiras foi o time que mais disputou jogos de “nível Série A”. A equipe comandada pelo técnico Abel Ferreira começou cedo, logo na estreia do Paulistão, quando ainda não havia sequer concluído a última temporada, contra o Corinthians, jogo que terminou em 2 a 2. O Verdão pouco tempo depois enfrentou o Flamengo, pela final da Supercopa do Brasil, e foi superado nos pênaltis. Quem mais dificultou o caminha do alviverde foi o São Paulo, o qual enfrentou em três oportunidades e não conseguiu vencer nenhuma vez, como na final do Campeonato Paulista, que ficou com o Tricolor Paulista.

O time do Morumbi, por outro lado, jogou seis vezes contra clubes da Série A e não perdeu nenhum jogo, desde a goleada por 4 a 0 no Santos, a vitória simples contra o Red Bull Bragantino, o empate em 2 a 2 contra o Corinthians, em Itaquera, até o título estadual em cima do Palmeiras. O Internacional, por outro lado, em meio a altos e baixos, perdeu para o Juventude, mas conseguiu reverter o placar nas semifinais do Gauchão, entretanto, mais uma vez foi superado pelo rival Grêmio.



Quem mais sofreu foi o Sport, no início da temporada, com duas goleadas sofridas para Bahia e Ceará, ambas por 4 a 0. O Santos também não venceu nenhum de seus quatro jogos pelo Paulista, onde perdeu todos os clássicos para São Paulo, Corinthians e Palmeiras, ficando apenas em um empate por 1 a 1 contra o Red Bull Bragantino.

O Flamengo perdeu um jogo para o Fluminense, mas na hora da verdade, valendo o título estadual, aplicou 3 a 1 na segunda decisão e ficou com o título, assim como na final da Supercopa do Brasil contra o Palmeiras, em abril. Embora tenha sido eliminado pelo Bahia, na semifinal da Copa do Nordeste, o Fortaleza também não perdeu nenhum de seus cinco jogos de Série A, superando o Ceará em uma oportunidade, e ficou com o título cearense em cima do rival. O Grêmio, por outro lado, perdeu somente para o Juventude, na fase de grupos do Gauchão, mas venceu o título sobre o rival Internacional, com direito a um triunfo no Beira-Rio por 2 a 1.



O Atlético Mineiro enfrentou o América, do técnico Lisca, três vezes. A única vitória foi ainda na primeira fase da competição, por 3 a 1. Nas duas finais, contudo, não conseguiu superar o Coelho, mas por ter feito a melhor campanha, teve a vantagem de jogar pelo empate e, assim, com o agregado igualado sem gols, ficou com o título mineiro.

Esses duelos podem não significar nada, mas pode ser parâmetro para o prosseguimento da temporada. Apenas quatro equipes não enfrentaram times que irão disputar a Série A: Athletico Paranaense, Atlético Goianiense, Cuiabá e Chapecoense, até o momento, somente o Dourado venceu o título estadual, a Chape precisa reverter o resultado negativo do jogo de ida para o Avaí, que terminou 2 a 1. O Furacão ainda está vivo no Paranaense.

O Cuiabá, por exemplo, está há 17 jogos sem perder, a última derrota foi ainda em fevereiro, mas será que no Brasileirão irá conseguir manter essa “regularidade” de resultados positivos? Nesse período, a equipe foi eliminada para o 4 de Julho, pela Copa do Brasil.

VEJA TODOS OS 35 JOGOS ENTRE CLUBES DA SÉRIE A ATÉ AQUI:

Red Bull Bragantino 0x0 Corinthians (28/02)

Internacional 1×0 Juventude (01/03) – Guilherme Pato

Corinthians 2×2 Palmeiras (03/03) – Vital e Varanda – Lucas Lima e Gabriel Silva

São Paulo 4×0 Santos (06/03) – Tchê Tchê, Pablo, Gabriel Sara e Luan Peres gc

Flamengo 0x1 Fluminense (14/03) – Igor Julião

Bahia 4×0 Sport (20/03) – Patrick, Gabriel Novaes 2x e Rodriguinho

Ceará 0x0 Fortaleza (20/03)

Juventude 2×1 Grêmio (25/03) – Matheus Peixoto e Eltinho – Ricardinho

Fortaleza 2×1 Bahia – (03/04) – Matheus Jussa e David – Gilberto

Ceará 4×0 Sport – (03/04) – Gabriel Dias, Cléber, Mendoza e Pedro Naressi

Grêmio 1×0 Internacional (03/04) – Leo Chu

Atlético Mineiro 3×1 América Mineiro (04/04) – Nacho 2x e Arana – João Paulo

Flamengo 2×2 Palmeiras (11/04) – Gabigol e Arrascaeta – Veiga 2x

São Paulo 1×0 Red Bull Bragantino (12/04) – Léo Ortiz gc

Palmeiras 0x1 São Paulo (16/04) – Pablo

Fortaleza 0x0 Bahia (24/04) – semifinal da Copa do Nordeste

Santos 0x2 Corinthians (25/04) – Raul Gustavo e Piton

Bahia 0x1 Ceará – Jael (01/05)

Red Bull Bragantino 1×1 Santos – Claudinho | Marinho (01/05)

Juventude 1×0 Inter – Marcos Vinicios (02/05)

Corinthians 2×2 São Paulo – Luan e Mosquito | Miranda e Luciano (02/05)

Ceará 1×2 Bahia – Rodriguinho e Gilberto | Jael (08/05)

Internacional 4×1 Juventude – Yuri Alberto, Mauricio, Edenilson e Rodinei | M Teixeira (08/05)

Palmeiras 3×2 Santos – Viña, Bigode e Esteves | Kaio Jorge 2x (06/05)

Red Bull Bragantino 0x1 Palmeiras – Rony (14/05)

Fortaleza 2×0 Ceará – David e Matheus Jussa (15/05)

Flamengo 1×1 Fluminense – Gabigol | Abel Hernández (15/05)

Inter 1×2 Grêmio – Galhardo | Diego Souza e Ricardinho (16/05)

Corinthians 0x2 Palmeiras – Victor Luis e Luiz Adriano (16/05)

Palmeiras 0x0 São Paulo

Flamengo 3×1 Fluminense – Gabigol (2x) e João Victor | Fred (22/05)

Atlético-MG 0x0 América (22/05)

Fortaleza 0x0 Ceará (23/05)

Grêmio 1×1 Internacional – Ferreira | Rodrigo Dourado (23/05)

São Paulo 2×0 Palmeiras – Luan e Luciano (23/05)

Não perca tempo, venha ser sócio do Plano Camillo Joga10 e receba as melhores dicas e análises do Cartola FC!

Quer receber notícias toda hora?

Baixe agora o App do Camillo Joga10! Disponível para Android e iOS.

Siga o Camillo Joga10!

Política de privacidade

feito por:

Times

Social

Prováveis

Premier League

Série A

Liga dos Campeões

Times