Cinco goleiros tiveram participações diretas em gols no primeiro turno do Brasileirão

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Foto: Reprodução/Twitter

No primeiro turno do Brasileirão, embora nem todas as equipes tenham realizado as 19 partidas, a competição já soma 450 gols. O Flamengo tem o melhor ataque, mas o artilheiro é Thiago Galhardo, do Internacional, com 15 tentos, enquanto Marinho e Pedro vem logo atrás, com 12 e 10 gols, respectivamente.

No entanto, cinco goleiros participaram diretamente dentre todos esses 250 gols marcados até aqui no Brasileirão 2020. Um marcou gol e os demais fizeram lançamentos que ser tornaram assistências. Relembre!

Marcos Felipe, do Fluminense, disputou apenas três jogos no Brasileirão, na ausência de Muriel, entre a 6ª e 8ª rodada. E na última partida, diante do São Paulo, no Morumbi, deu um chutão para o ataque, que terminou virando assistência para o gol de Wellington Silva. Ninguém subiu para disputar a bola, enquanto o lateral-direito Igor Gomes vacilou no lance e o atacante do Fluzão saiu em velocidade e marcou de fora da área para abrir o placar, na partida que terminou 3 a 1 para o mandante de virada.

Duas rodadas depois, foi a vez de Jean participar diretamente de um gol. No entanto, o goleiro do Atlético Goianiense foi se aventurar no ataque numa cobrança de falta. Ele já havia cobrado uma diante do Ceará, em casa, e contra o Bahia teve a segunda oportunidade. Na ocasião, a bola não passou da barreira, mas a sobra ficou com o arqueiro que pegou de primeira, firme, e com um leve desvio no meio do caminho, Douglas Friedrich nada pôde fazer para evitar o gol do jogo. Foi o primeiro da carreira de Jean, que nas últimas semanas deixou sua marca contra o Internacional, pela Copa do Brasil, desta vez cobrando pênalti.

Na 12ª rodada, Éverson, do Atlético Mineiro, mostrou sua qualidade com os pés, e mostrou o porquê da preferência de Sampaoli pelo goleiro, que fez um excelente lançamento para Keno, marcar o terceiro dele na partida, e decretar a vitória do Galo por 3 a 1 contra o Grêmio. 

Já nas últimas duas rodadas, houveram mais dois passes para gols através dos goleiros do campo de defesa. Na quarta oportunidade pelo Campeonato Brasileiro, Paulo Victor cobrou falta atrás do meio de campo, a bola quicou no gramado da Arena da Baixada, enganou a dupla de defesa do Furacão e a bola encontrou Ferreira, livre, na entrada da pequena área, para marcar o gol da vitória por 2 a 1 diante do Athletico Paranaense. 

Por fim, em tarde iluminada, Tiago Volpi, além de defender as cobranças de pênaltis de Bruno Henrique e Pedro, fez excelente ligação da defesa para encontrar Luciano no ataque. O zagueiro rubro-negro Natan vacilou na jogada e o ataque do São Paulo não desperdiçou a oportunidade finalizando cruzado, com a perna direita, para definir a goleada por 4 a 1 no atual campeão do Brasileirão.

Quer receber notícias toda hora?

Baixe agora o App do Camillo Joga10! Disponível para Android e iOS.

Times

Social

Times